La Spezia – Nossa Base na Liguria e Cinque Terre

Esse vai ser o último post da série do roteiro de três dias pela Liguria. Nele quero falar um pouco sobre a cidade que utilizamos como base, que foi La Spezia. Sobre como nos locomovemos pela região, sobre o hotel onde nos hospedamos em La Spezia e demais informações úteis, você pode acessar o primeiro post da série nesse link aqui.

Se quiser acessar os outros posts desta séria pela Liguria, que foram sobre as Cinque Terre (Riomaggiore e Manarola, Corniglia, Vernazza e Monterosso al Mare), Portofino, Santa Margherita Ligure e Porto Venere, clique sobre cada link de cada local.

Chegando em La Spezia

Para uma viagem em um estilo mais econômico La Spezia caiu como uma luva. A cidade possui algumas opções de hospedagem mais em conta,  assim como uma excelente oferta de serviços e gastronomia. Se tivéssemos optado por uma cidade de tamanho parecido, como Santa Margherita Ligure, teríamos que ter nos deslocado por distâncias maiores por 2 dias da viagem enquanto se tivéssemos optado por ficar em alguma das Cinque Terre, o custo de hospedagem e com restaurantes seria mais alto.

Todas as cidades, com exceção de Portofino e Porto Venere, tem estações ferroviárias acessíveis no entanto somente em La Spezia é possível chegar e sair com trens do tipo Freccia (de alta velocidade), o que facilita o deslocamento e agiliza muito o tempo de viagem. Sobre onde nos hospedamos e como chegamos até La Spezia escrevi no primeiro post da serie.

Não posso dizer que não fiz turismo por La Spezia porque acabei fazendo nela o que fiz em todas as demais cidades, isto é, caminhei bastante, vi as lojinhas, apreciei a paisagem. Não visitei nehum museu porém também não fiz isso nos outros lugares.

Só o trajeto entre a estação ferroviária e o hotel, pela Via Prione, já era um passeio. A Via Prione é uma rua para pedestres que te leva até a beira-mar, mais precisamente a uma praça grande em frente aos jardins públicos, antes do calçadão à beira-mar. Nela, alguns cafés, restaurantes e muito comércio.

Via Prione

Via Prione

Transitar com malas foi tranquilo, a cidade é plana e a rua para pedestres ajuda. Não sei o razão mas ao ver no google maps imaginava que fosse em pendência, deve ser porque muitas cidades na Itália são assim e também pelas próprias características da Liguria, uma região montanhosa.

La Spezia é uma cidade de tamanho mediano para padrões Italianos e além de uma cidade portuária também recebe muitos navios de cruzeiro. Sempre tinha algum movimento. Comparada à Santa Margherita Ligure, é mais descuidada e simples.

Chegamos em um sábado de manhã e primeira parada antes de chegar no B&B foi um expresso na Via Prione. Voltamos no final do dia exaustos, depois de um dia interio dedicado às Cinque Terre.

Via Prione - final do dia

Via Prione – final do dia

O bom é que nos arredores da Via Prione tinha uma região bem animadinha com restaurantes e bares de aperitivo.

Bar nos arredores da Via Prione

Bar nos arredores da Via Prione

Como era sábado à noite as ruas estavam cheias com vários italianos na sua habitual passegiata de fim de tarde e outros tantos já enchendo os bares e restaurantes.

Acabamos jantando em uma pizzaria que estava bombando chamada Il Trittico (tinha fila mas como sempre o serviço foi rápido). Adoramos. O atendimento foi super camarada. Eu não resisti à pizza de pesto, que nem imaginava que existisse, e meu namorado, à de aliche e flor de abobrinha. Porém a flor de abobrinha estava terminando e eles informaram que ele precisava escolher uma outra pizza. Qual não foi nossa surpresa ao ver que eles fizerem uma parte da pizza dele com as abobrinhas que ainda tinham. Muitos simpáticos. Comemos muito bem naquela noite.

Il Trittico – Pizza de Pesto

Il Trittico – Pizza de Pizza de Aliche e Flor de Abobrinha/Aliche

No domingo chegamos de Portofino/Santa Margherita Ligure antes do que esperávamos e aproveitamos para passear pela região do porto. Logo ao chegarmos vimos que estava rolando um feira com produtos típicos, a gente nem gosta :), e lá fomos nós para um aperitivo com “cozzes” (mexilhões) muito frescos. Adorei esse passeio, achei muito local, dava para notar que as pessoas se conheciam e que aquele passeio fazia parte do programa de fim de tarde delas.

Na feirinha em frete a orla marítima de La Spezia

No domingo a oferta de resturantes era bem menor mais ainda assim comemos muito bem no Agape Della Spezia. Os pratos que escolhemos, para variar típicos, massa ao pesto genovese fresco e anchovas marinadas, estavam ótimos, muito bem executados e com uma apresentação muito bonita.

Nhoque ao Pesto Genovese Fresco

Nhoque ao Pesto Genovese Fresco

Anchovas Marinadas

Anchovas Marinadas

Outra descoberta foi a Gelateria, e Cioccolateria, Galatea , na Piazzeta dei Bastioni, muito próxima à região de restaurantes.

Gelateria e Cioccolateria Galatea

Gelateria e Cioccolateria Galatea

Mesmo sendo restaurantes de perfis distintos em ambos comemos muito bem e por preços bastante econômicos (em torno de 25 euros cada refeição). Acho que a grande concorrência nessa região de La Spezia faz justamente com que o serviço seja bom e mais em conta. Ouso dizer que em La Spezia provavelmente se coma melhor do que nas “terres” pois os restaurantes são focados em servir mais italianos que estrangeiros.

Gostei de ter ficado em La Spezia, acho que tivemos uma visão mais autêntica da Liguria. No final, essa foi mais uma viagem em que achei que a escolha do lugar que usamos como base complementou o passeio e nos permitiu conhecer um pouco mais região.

Leia mais:

Anúncios

40 comentários sobre “La Spezia – Nossa Base na Liguria e Cinque Terre

  1. joao carlos fonseca de souza disse:

    Olá Michelle muito agradecido por todas as informações. Estarei em La Spezia no final de setembro e gostaria de saber se essas cidades da ligúria tem seus comércios abertos aos domingos normalmente. Irei também à Capri num domingo. Poderia me ajudar? Desde já agradecido por tudo.

    Curtir

    • planejandoaviagem disse:

      Olá João Carlos, tudo bem? Eu imagino que encontrarás muitas lojas abertas, até porque estamos falando do final do verão, no entanto, não tenho como te garantir. Se tiveres interesse em alguma loja específica seria interessante entrar em contato com a mesma. Abraços e desculpa não poder ajudar muito 😦

      Curtir

    • planejandoaviagem disse:

      Oi Juliane, consegue sim, foi exatamente o que fiz. Compre o trem de alta velocidade. Verifiquei nos sites da Trenitalia.it e italotreno.it. Se precisares de algo mais entre em contato.
      Aqui no blog, seção planejamento de viagens, sub menu trem, tem posts sobre ambas as cias ferroviárias. Abraços!

      Curtir

  2. Giovanni Petreli Tarosso disse:

    Olá, chegando de carro em La Spezia posso pegar o trem e conhecer a região de Cinque Terre, voltar pra La Spezia de trem e pegar o carro novamente?
    Quanto tempo leva esse passeio de trem?
    E qual o custo? 12 euros?
    Obrigado

    Curtir

    • planejandoaviagem disse:

      Olá Giovanni, tudo bem?
      Podes sim, na própria estação ferroviária e arredores existem diversos estacionamentos.
      O tempo dedicado ao passeio depende muito do que você for fazer. Esse trem parte de La Spezia e pára nos cinco povoados (Cinque Terre). Se você optar por conhecer todos vai demorar um pouco mais. Veja bem, não é um passeio de trem. O trem é usado para se deslocar entre as cidades.
      Recomento o CinqueTerre card treno, ele dá acesso ilimitado (até á meia-noite do dia em que foi comprado) em todos os locais entre La Spezia e Levanto, além de acesso a onibus (ex: Corniglia) e algums caminhos (ex: Via del Amore em Riomaggiore). O custo desse passe é de 16 euros por pessoa.
      Se precisar de algo mais estou à disposição. Aqui no blog tem posts sobre cada uma das 5Terre, você pode dar um olhada no que mais te interessa, se seu tempo for curto terás que priorizar.
      Se precisar de algo mais estou à disposição.
      Abraços,

      Curtir

  3. Tânia Fragoso de Macedo disse:

    Olá Michelle, amei o blog ! Estou panejando uma viagem à Ligúria / Cinque Terre p/ celebrar meus 60 anos e devo ir com meu parceiro que é meio sem preparo físico para enfrentar dias muito corridos… Agradeço se você puder me dar umas dicas e ajudar a montar meu roteiro saindo do Brasil. Qual é a melhor época para essa viagem – JULHO ? Peço blog vi que 3 dias na Cinque Terre são suficientes, mas adoraria também conhecer a Provence. O que acha melhor ir primeiro ? Consigo ir de trem de La Spezia para visitar a Provence ? Qual o roteiro você me sugere ?

    Curtir

    • planejandoaviagem disse:

      Olá Tania, tudo bem? Posso ajudar a montar seu roteiro sim. A melhor época costuma ser quando é primavera na Europa pois o verão (especialmente julho e agosto) são muito quentes. Se você quiser ir a praia aí sim julho e agosto são a melhor pedida. O problema maior da primavera é que as Cinque Terre costumam lotar então, para fazer algo mais comodo, eu recomendaria 4 dias ao invés de 3. Escrevo isto considerando que você também iria a PortoVenere e PortoFino como eu também fui. Caso contrário 3 dias são de bom tamanho.
      A Liguria e a Provence são bem próximas, você poder ir de La Spezia a Nice de trem. A viagem dura em torno de 5,5 horas. Ao redor de Nice tem bastante coisa para fazer. Ali você pode fazer day-trips a Monaco, Eze, Antibes e Cannes. Se quiser também pode seguir viagem até Saint Tropez, Cassis, Marselha e Aix-in-Provence. Eu fiz esse roteiro de carro, já tem algum tempo. Foi o primeiro post do blog então não é dos melhores 🙂 Se quiser acessesá-lo clique aqui. Fiz o roteiro de carro mais a maioria esmagadora dos lugares permite que você chegue de trem. Aliás a vista do trem na Provence deve ser linda porque ele vai costeando o mar por um bom pedaço enquanto as estradas regioanis e auto-estradas ficam um pouco acima do nivel do mar.
      Se fores fazer somente Liguria e Provence, ou mesmo se fores colocar outros destinos no seu roteiro, tente chegar por um aeroporto e sair por outro para não teres que voltar. Exemplo: chegada por Milão volta por Marseille.
      Bom, era isso, se precisares de mais alguma coisa entre em contato.
      Abraços,

      Curtir

  4. Eduardo Maia Weiler disse:

    Olá Michele, realmente muito interessante o teu blog. Sou um aficcionado em organizar viagens, e essa será minha segunda vez para a Itália. Porém em maio/17 irei com familia (esposa, filho 3a, irmãos, cunhado, mãe 70a). Ou seja, slow-trip. Pretendo conhecer a Costa da Ligúria, e depois de ver o seu blog pensei em me hospedar em La Spezia e fazer um bate-volta para as Cinque Terre num dia e outro para Portofino e/ou Portovenere em outro dia. O que acha? Os deslocamentos serão todos de trem. A princípio iremos de Firenze para La Spezia, tbm seguindo sua dica devido a disponibilidade de trens. Porém, há a possibilidade de irmos a partir de Veneza, pois o último destino será Roma… Desde já obrigado e parabéns pelo blog!

    Curtir

    • planejandoaviagem disse:

      Olá Eduardo, tudo bem? Sempre bom encontrar aficcionados por planejamento de viagem como eu. Essa trip vai dar trabalho heim? Muitas pessoas, praticamente um agente de viagens 🙂
      Como seu grupo é grande e você irá em maio (super alta temporada) talvez o ideal seja você separar 4 dias ao invés de 3). Nota que até Portovenere não existem trens, você terá que utilizar barco ou ônibus mas é tranquilo.
      Mesmo sainda de Veneza, acaba que você passará por Firenze/Pisa para chegar até La Spezia. Você até tem a opção de ir por Milão, mas não recomendo, a menos que tenhas um interesse específica , pois a viagem é mais longa.
      Abraços e um ótimo planejamento para você!

      Curtir

  5. Thiago disse:

    OI vou me hospedar em la spezia em maio consigo conhecer umas duas cidades em um dia pois vou a chianti a noite. e as passagens de tren as cidades cique terre sao muito caras.

    Curtir

    • planejandoaviagem disse:

      Olá Tiago, consegue sim. Consegues conhecer até mais, vai depender das sua velocidade e prioridades. O ideal é comprares o Cinque Terre card treno, o cartão de um dia custa 12 euros e permite que faça inúmeras viagens em um dia entre Levanto – La Spezia Centrale e viceversa.

      Curtir

  6. Luciana disse:

    Olá….adorei seu blog. Irei a cinque terre em setembro. Vou me hospedar em la spezia. É melhor ficar perto da estação? É fácil ir para Lucca de la spezia ou de Florença?
    Abç.

    Curtir

    • planejandoaviagem disse:

      Olá Luciana, muito obrigada! Para ir até Lucca a partir de La Spezia ou de Florença os tempos são parecidos. Variam de 01:10 à 01:45 horas dependendo da tipologia do trem. Para veres o timetable certinho acesse ttp://www.trenitalia.com/tcom-en. Se tiveres alguma dúvida de como pesquisar aqui no blog, no Menu Trens na Italia você encontra um pequeno tutorial. Ele está um pouco desatualizado mas ajuda bastante.
      Abraços!

      Curtir

  7. Rafaella Martinez disse:

    Olá Michele, já anotei várias de suas dicas.. mas gostaria de mais algumas sugestões.
    Estou indo de lua de mel para França (Paris e Provence) e Itália (Cinque Terre e região da Toscana). Ficaremos 1 semana em cada país. Como você dividiria seus dias nessas regiões? Alguma delas merece mais tempo? Em qual cidade você acredita ser o melhor local para nos hospedarmos na Toscana? Obrigadaaa!

    Curtir

    • planejandoaviagem disse:

      Ai Rafaella, que responsabilidade! Lua de Mel é muito especial e varia muito de pessoa para pessoa. Fico até com medo de dar dicas 🙂
      O bom é que os lugares que escolheste são super românticos. Destinos perfeitos, parabéns pela escolha desta dupla de regiões!

      Não sei ao certo o que estás imaginando; se cidades bucólicas ou maiores, se de trem ou carro ou ambos, que tipo de acomodação, etc…
      Enfim, detalhes que podem fazer a diferença para sugestões mais específicas. De qualquer forma seguem algumas sugestões para que você avalie.

      Na Provence imagino uns 3 dias pois acredito que em Paris ficarás uns 4. Existem cidades e paisagens muito bonitas ao redor de Nice, que é uma boa porém se preferir locais mais românticos e pacatos podes conferir Eze ou Saint Paul de Vence.
      Eu alugaria um carro para rodar as cidades ao redor, não deixaria de ir a Cannes e St. Tropez. Paisagens diferentes e imperdíveis.
      Eu entregaria o carro em Nice e iria a La Spezia (acesso as 5Terre) de trem. Caso você faça esse trajeto de carro pode optar por uma paradinha em PortoFino.

      Nas 5Terre você não precisa alugar carro. Eu escolheria um hotel bem bacana em uma das das Terre, é super romântico! Ficaria dois dias, uma para conhecer as Terre e outros para Portofino ou PortoVenere. Ambas super graciosas.

      As demais 5 noites eu dedicaria à Toscana. De La Spezia eu iria para Pisa (de La Spezia a Florença de trem é mais complicado).
      Eu conheceria Pisa e depois Lucca utilizando trem e iria para Florença. Em Florença ficaria 2 noites para conhecer a cidade e depois alugaria um carro para rodar a Toscana.

      Depois de Firenze me hospedaria em Siena. Escolheria um hotel de charme em meio ao verde Toscana por mais 3 noites. O Aia Mattonata próximo a Siena é considerado um excelente hotel para lua de mel. De Siena eu faria day-trips a San Gimignano, à região dos vinhos de Chianti e a Montalcino. Além disso incluiria alguma cidade que tenha uma terma legal. Existem muitas aguas termais na região e o passeio costuma ser super relaxante.

      Depois disso entregaria o carro em Florença e iria para o aeroporto.
      Bom, isso foi uma sugestão, considerando seus 14 dias e assumindo a premissa de que você se deslocaria de trem + carro.
      Caso você tenha em mente algo mais específico me fala(escreve) que posso verificar pra você. Espero ter conseguido responder sua pergunta.

      Abraços,

      Curtir

  8. pablo disse:

    Hola, yo tambien hace base en la Spezia en Mayo, como es el clima en Mayo?

    Se tarda mucho en ir un día a Portofino y volver a la Spezia? Como se llega desde La Spezia a Portofino?

    Me encanto leer esta nota sobre La Spezia.

    Gracias y saludos afectuosos desde Argentina.

    Curtir

  9. Pablo Mendes disse:

    Olá Michele,

    Sou do Acre e pretendo ir a Itália em maio, tenho passagem compradas com saída de São Paulo para Roma, onde pretendo ficar por 3 dias, de lá a ideia é fazer Florença, Cinque Terre e Veneza. Serão 7 dias para todos esse locais. Tenho dúvidas, quando a permanência em cada lugar e se seria mais interessante cortar algumas dessas cidades e distribuir melhor o tempo de estadia. O que vc acha?

    Abraço,

    Pablo

    Curtir

    • planejandoaviagem disse:

      Olá Pablo,

      são muitos lugares em pouco tempo. Imagino que serão 7 dias portanto 6 noites. Isso contando com os dias da chegada e da partida que são dias curtos.

      Recomendo que você se concentre no que Roma e Florença/Toscana tem para oferecer. Divida as noites entre Roma e Firenze e utilize Firenze como base para conhecer Pisa, Lucca, San Gimignano e cidades de charme da Toscana.

      Caso você tenha uma noite a mais pode arriscar um day-trip nas CinqueTerre, pode ir até lá a partir de Roma e depois voltar até Pisa já ficando na Toscana.

      É claro que tudo é questão de prioridade então se preferes conhecer as CinqueTerre + Veneza, sugiro que retires Florença do roteiro.

      Abraços

      Curtir

  10. Nazaré Leão disse:

    Olá parabéns pelo Blog!

    Estamos querendo eu e meu marido passar duas semana na Itália, na primeira quinzena de abril.Você sabe me dizer qual o clima que vamos encontrar nesta época?As cidades que estamos pretendendo conhecer são:Milão,Veneza,Florença,Turim,Capri,Parma,Roma.O que você acha?Vai dar para visitarmos todas essas cidades?Você nos sugere alguma outra?Caso vc possa, entre em contato via email.nazareleaodf@yahoo.com.br.Obrigada.

    Curtir

    • planejandoaviagem disse:

      Olá Nazaré,

      abril é uma época ótima, é primavera na Europa e não é à toa que é alta temporada. Não estará tão quente como no verão e portanto propício para caminhar pelas cidades. Os dias serão mais amenos e às noites podem ser frias, vale levar um casaquinho. Nessa época podem ocorrer chuvas então também vale a pena uma capa ou guarda-chuva. Nada que também não possa ser comprado diretamente lá dos vendedores que pipocam quando a chuva aparece…rs.

      Duas semanas serão 14 dias, se contarmos que vc demora um dia para chegar e outro em função da volta, serão 12 correto? 12 dias para Milão, Veneza, Florença, Turim, Capri, Parma e Roma é bem complicado. Sugiro que você tente chegar com o voo por uma cidade e voltar por outra, desse forma reduz tempo de deslocamento. Depois faça o roteiro de uma forma que não precise voltar, isto é, vá subindo ou descendo no mapa.

      Eu tiraria Capri, deixaria para uma próxima viagem, quando fosse conhecer por exemplo a Costa Amalfitana.
      Tiraria também Parma em função da distância para me deslocar e sendo assim, curtiria mas a Toscana (arredores de Florença).

      Sugestão de Roteiro:
      Chegada em Roma – 4 dias
      Ida para Florença – 3 dias
      Ida para Veneza – 2 dias
      Ida para Milão – 3 dias (usaria um dia para fazer um bate-e-volta em trem de alta velocidade a Turim).

      É claro que o roteiro acima é uma sugestão. Veneza por exemplo pode ser um bate-e-volta a partir de Milão. Depende se você quer conhecê-la melhor e se quer passar uma noite por lá. Roma, pode ser mais expressa, dependerá do seu ritmo. Eu sempre recomendo 4 dias em função de tudo que a cidade oferece. Sem falar que em sendo alta temporada as atrações demoram um pouco mais a serem vistas. Recomendo fortemente o Roma Pass para o Coliseu e a reserva para os Museus Vaticanos caso tenham interesse. Se não tiverem interesse em alguma dessas atrações podem também reduzir para 3 noites.
      Caso não queira conhecer as cidades da Toscana como Pisa, Luca, Siena, San Gimignano, etc. Podes até pensar em passar mais batido por Florença e arredores e dedicar um dos dias à Parma antes de ir a Veneza.
      Por fim, se o interesse por Milão e Turim não for tão grande quanto o por Capri, podem trocar essas cidades pela Costa Amalfitana.

      Tudo vai depender daquilo que pretendes priorizar no entanto, todas as cidades não recomendo, seria uma correria muito grande.
      Abraços e precisando de algo mais estou por aqui!

      Curtir

  11. Carlos Damasceno disse:

    Estou planejando uma viagem para a Itália e gostaria de saber se as estações de trem em Spezia dispõe de instalações para guardar malas de viagem? Ou mesmo em outras estações? Parabéns pelo blog!

    Curtir

  12. Dante disse:

    Olá, belo blog…vamos se se pode nos ajudar…somos um casal de SP que irá morar por 6 meses na Italia ano que vem, no calor, para estudar italiano…estamos na dúvida entre 4 cidades : Viareggio, Savona, Rimini e La Spezia…qual vc indicaria ?…queremos uma cidade não tão grande e nem tão pequena e morar bem perto do mar…obrigado

    Curtir

    • planejandoaviagem disse:

      Ola Dante, tudo bem?

      Primeiramente mil desculpas por responder somente agora. Espero que ainda esteja em tempo.
      É uma pergunta bem difícil. Como de todas as cidades só conheço La Spezia fica complicado avaliar.
      Sem dúvida todas atendem ao seu criterio de proximidade com o mar e são de porte medio para pequeno. Em torno de 60mil habitantes com exceção de Rimini que é um pouco maior.
      Não sei em que cidade do Brasil você mora mas saiba que mesmo cidades como Roma e Milão são pequenas ao olhos de um paulista ou Carioca.
      Mesmo porque apesar de serem grandes oferecem ótimos opções para se deslocar com transporte público.
      O bom da Italia é justamente isso, independentemente da cidade você escolher poderá conhecer facilmente outras cidades italianas próximas.
      E mais do que isso, se estiveres proximo a um aeroporto podes conhecer muitos outros destinos europeus.

      Acho que aqui podemos dividir suas escolhas em três grupos. Se preferes o norte e ficar mais próximo da França Savona seria a melhor opção.
      Se preferes a costa do Adriatico, seria Rimini, caso contrário La Spezia ou Viareggio.

      Se fosse eu optaria por Rimini porque é uma parte da Italia que não conheço bem. San Marino, assim como cidades importantes da Emilia Romagnona como Parma, Modena e Ferrara ainda não na minha whist-list.
      Rimini também é famosa entre os italianos por ter uma vida noturna muito agitada no verão, o que inclusive a deixa um pouco caótica. Também tenho vontade de conhecer o norte da Croacia e a partir de Rimini é mais fácil.

      As conexões rápidas de trem entre uma costa e outra da Italia não são tão fáceis e não existem em diversos pontos devido aos Apeninos (Cadeia Central de Montanhas) é justamente por isso que morando em Roma fica difícil – isto é, demora mais – ir para regiões litorâneas do norte.
      Falo isso justamente para te explicar porque conheço menos essa parte da Italia.

      Assim, se você nunca foi a Italia, ficando em La Spezia ou Viareggio estará próximo da Toscana e a poucas horas de trem de alta velocidade de Roma e Milão. O que facilita o acesso ao norte e sul da Italia.
      Fora isso a região tem também um aeroporto. A Toscana além de tudo que oferece tem praias muito bonitas e você acesso mais fácil ilhas como Elba e Giglio.
      Em relação ao mar imagino que estando em Rimini e Viareggio você tenha mais acesso a ele. Estando em La Spezia você precisaria se deslocar um pouco já que a praia do centro é de exclusividade do porte e não é tão legal.
      Imagino que em Savona exista o mesmo problema.

      Bom, acho que era isso. Espero ter ajudado. Se precisar de algo mais me fale. Prometo que não demora para responder.
      Abraços,

      Curtir

      • Dante disse:

        muito obrigado pela resposta…ja temos até um plano que achei melhor : ficaremos 2 meses em cada cidade (La Spezia, Viareggio e Rimini), as 3 cidades possuem escolas bacanas de italiano e podemos morar em 3 culturas regionais diferentes…boas festas !!

        Curtir

  13. schirlei teske disse:

    Oi. Estou adorando seu blog. Meu marido, minha filha de 5 anos e eu iremos em setembro para a Italia e estou em duvidas para fechar o roteiro. Voce tem como me enciar sua planilha por e mail.
    Meu e mail e schirleiwt@gmail.com.
    Um forte abraco,
    Schirlei

    Curtir

  14. virginia pereira raffo disse:

    Oi adorei ler suas DICAS sobre as terres e ter base em La Spezia,ficaremos dois dias .pretendemos fazer o passeio de trem e de barco. É possível comprar um “pacote” que nos permita ver tudo neste pequeno espaço de tempo? ou é melhor ir direto a estação e pegar o trem para a primeira terre por nossa conta e risco ?? somos 5 amigos “aventureiros,mas idosos”. E qual a melhor forma de irmos de La Spezia para San Gimignano?
    e depois para Perugia?
    att.

    Curtir

    • planejandoaviagem disse:

      Ola Virginia, tudo bem? Que bom q gostastes das dicas.

      Infelizmente não conheço nenhum pacote específico que faça o passeio da forma como queres.
      Chegando em La Spezia acho que não terás dificuldade de encontrar.

      Do porto de La Spezia partem os barcos e acredito que ali consigas se informar bem. Imagino que existam tantos os passeios guiados quanto aqueles em que o barco é só o meio de locomoção, como no caso do trem.
      A ida em barco depende sempre das condições climáticas e pelo que pude observar os passeios partem em alguns poucos horários pela manhã. Assim, dependendo da disponibilidade de vocês pode ser que seja necessário optar pela ida com o trem.

      Fazer o trajeto com o trem é super fácil. Mesmo os passeios guiados usam o trem porque chegar nos centrinhos das cidades de ônibus não é possível.
      Se vocês são bem descolados eu optaria por fazer por conta, seja com o barco seja com o trem, basta estarem atentos aos horários para não esperarem por muito tempo.
      Vocês podem optar por fazer o passeio com o barco e depois, caso queiram, voltar de Trem, ou mesmo o contrário.

      De La Spezia para San Gimignano o ideal é ires de trem até a cidade de Poggibonsi. Esse trem faz La Spezia->Pisa->Empoli->Poggibonsi em torno de 2,45 horas.
      Chegando em Poggibonsi terás que pegar um ônibus até San Gimingnano.

      Para ires a Perugia, volte a Poggibonsi pegue um trem ou um ônibus.
      Dois detalhes importantes: o ônibus a princípio não tem todos os dias, ao menos em março. Já o trem é demoradinho, leva cerca de 4 horas porque volta até Florença para depois ir para Perugia.
      Os horários dos ônibus você vê aqui: http://www.eurolines.it/, para trens acesse a aba “Tutti i Treni” em trenitalia.it.

      Abraços e obrigada pela visita!

      Curtir

  15. Gladys disse:

    Olá, parabéns pelo blog. Pretendo conhecer La Spezia, chego em Florença, pego um trem a Pisa(visito) e de lá continuo a La Spezia retornando no outro dia , é pouco tempo eu sei, mas depois que vi fotos desse lugar simplesmente me apaixonei.

    Curtir

    • planejandoaviagem disse:

      Ola Gladys, obrigada!
      As Cinque Terre são lindas mesmo, imagino que seja à elas que estejas se referindo e não a La Spezia propriamente dita.
      Se realmente já decidiste que visitarás tudo em um dia, sugiro que pegues um trem de alta-velocidade de Pisa à La Spezia e que priorizes quais das Cinque Terre queres conhecer pois talvez não consigas conhecer todas.
      Um ponto positivo para seu roteiro e que ao menos dormirá por lá então terás até o final do dia literalmente para conhecê-las. Se sua base for ser La Spezia até as 21 horas existe um trem a cada 20 minutos aprox.
      Ah, se fores no verão terás a vantagem dos dias serem mais longos.
      Abraços. obrigada pela visita e boa sorte!

      Curtir

  16. LEO disse:

    Olá,

    Parabéns pelo Blog!!

    Estou palnejando minhas próximas férias ( 4 semanas pela itália ) e acho que vc pode me ajudar 🙂
    Separei apenas duas noites de pernoite na região da ligúria. Chegarei num final de tarde, vindo de Pisa e Lucca de carro. No outro dia farei o passeio pelas terres, e no terceiro dia. acordo , exploro um pouco mais a minha cidade, almoço e volto de carro pra fazer o interior da toscana.

    O que me deixa na dúvida é: Montar base em PortoVenere ou La SPezia? La Spezia é mais perto da toscana, além de permitir iniciar o passeio pelas terres de trem. Já Portovenere me parece mais bonitinha , mas perderei meia hr de trajeto de onibus até a estação de trem em la spezia, já que estarei com a minha sogra e ela não é muito fã dos passeios de barco..

    Se você fosse de novo, manteria a base em la spezia ou acharia melhor ficar em Portovenere?

    sds!!

    Leo

    Curtir

    • planejandoaviagem disse:

      Oi Leo, que maravilha 4 semaninhas pela Itália. Dá para fazer um “giro” bem legal!
      Se eu fosse de novo e com pouco tempo escolheria La Spezia como base.
      Uma opção, como estas indo de carro, é se deslocar sempre de carro de PortoVenere à La Spezia e deixar o carro estacionado próximo à estação ferroviária. Porém, mesmo assim, perderias um tempinho em deslocamento. Abraços.

      Curtir

Deixe aqui seu comentário ou dúvida

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s