Planejamento

Como é comprar e voar com passagem da MaxMilhas

Quem acompanha blog deve observar que nos últimos anos tenho me dividido cada vez mais entre Brasil e Europa; cheguei inclusive a escrever aqui no blog que meu sonho de consumo seria passar uma temporada do ano em cada lugar (sonhar não custa nada não é mesmo?). Como as datas das minhas idas e vindas são sempre incertas procuro sempre que possível viajar utilizando passagens emitidas com milhas. Vejo duas vantagens muito claras: poder comprar só um dos trechos pagando um preço justo e poder ir sem ter que se preocupar de antemão com a data da volta.

Quando você compra ambos os trechos sem que a data de volta seja certa as alterações e remarcações serão inevitáveis e estarão sempre sujeitas às regras e multas do tipo de bilhete que você comprou. Além disso, ao comprar trechos internacionais pagos (aos menos na grande maioria) o valor de só um trecho custa praticamente o valor da ida e volta então comprar só um trecho no dinheiro é quase sempre rasgar dinheiro.

Aí eu pergunto: O que acontece se você foi com milhas/pontos e agora não tem milhas suficientes para voltar? Se você já emprestou milhas do seu pai, comprou da sua prima e cunhada e já não tem mais cara de pau de pedir aos familiares a MaxMilhas pode ser uma das suas opções. É claro que existem outras mas esse post será sobre especificamente sobre essa empresa.

Imagem Época Negócios
Imagem Época Negócios

 

Como encontrei a passagem da MaxMilhas

Eu já namorava a MaxMilhas  tinha algum tempo, quase comprei passagens internacionais com eles em duas ocasiões porém em ambas hesitei e acabei sendo salva pela sorte. Mas a verdade é que não dá para contar com a sorte sempre então, em fevereiro deste ano, quando precisei comprar uma passagem para o trecho Porto Alegre – São Paulo estava cotando o trecho no SkyScanner e o mesmo me sugeriu uma passagem da MaxMilhas por um preço bem convidativo. Não deu outra, já estava mais do que na hora de testar o serviço deles e seria muito melhor arriscar em um trecho nacional do que em um trecho internacional.

Se não fosse o SkyScanner provavelmente não teria realizado a compra pois até então o hábito de procurar passagens nacionais no site da MaxMilhas. Espero que a parceria perdure. Aqui abro um parêntesis, acho o site da MaxMilhas equivalente ao SkyScanner para compras com milhas com origem e/ou destino Brasil. Tenho o hábito de usá-lo como um buscador para encontrar passagens baratas com milhas, faço a pesquisa com eles ao invés de der que olhar cia aérea por cia aérea #ficaadica.

Como foi a compra da passagem aérea com a MaxMilhas

Uma vez que o SkyScanner me direcionou diretamente para a página de compra da MaxMilhas e eu já tinha criado um login anteriormente, o processo de compra foi muito simples, bastou escolher a forma de pagamento e “voila”, em poucos minutos recebi um e-mail informando que minha compra estava em análise.

Como o processo de emissão de passagens é diferenciado, a compra é muito simples. Você não escolhe malas e assentos por exemplo. Quando cito “diferenciado” quero dizer que você não está comprando exatamente a passagem no momento em que você faz o pagamento, o que você está comprando são as milhas de um terceiro, isto é, você está aceitando a oferta que uma outra pessoa fez pelas suas próprias milhas e será essa pessoa que irá realizar a emissão com base nos dados informados por você no site da MaxMilhas que é o intermediário entre os vendedores e compradores de milhas.

Até então eu já tinha vendido milhas a empresas e sabia que essas empresas as revendiam a terceiros e depois utilizavam meu login e senha para realizar a emissão do bilhete. O modelo da MaxMilhas é diferente, a empresa emprega muita tecnologia o que torna o processo muito mais rápido. É justamente pela razão acima que logo depois da compra você não recebe por email seu bilhete mas sim uma confirmação de que seu pedido está em análise e que a passagem deverá ser emitida dentro de algumas horas.

Meu receio era de que a emissão demorasse e que a mesma pudesse até mesmo não se concretizar pela exigência de um maior número de milhas do que as que tinha comprado. Sem alternativa resolvi cruzar os dedos e esperar. Uma hora depois recebi um e-mail informando que o bilhete tinha sido emitido. Ufa! Neste email constavam diversas instruções sobre os processos envolvendo a compra com milhas.

MaxMilhas -Confirmacao Emissao

 Como foi o pós vendas com a MaxMilhas

Alguns dias depois comprar a passagem me lembrei que precisaria despachar uma mala e me dei por conta que não sabia como deveria proceder para realizar esse procedimento. Entrei em contato com a MaxMilhas através do chat disponível no site, enquanto esperava liguei para a Gol e comprei o direito de despachar a mala. Quando finalmente consegui falar com alguém no chat apenas confirmei que a mala tinha sido incluída no meu bilhete aéreo. A espera de 40 minutos no chat acho foi a única experiência ruim de todo o processo.

A conversa com a atendente da GOL foi interessante, ela conhecia todos os trâmites envolvidos em um processo de compra realizada com um intermediário como a MaxMilhas, segundo ela eu poderia solicitar que a MaxMilhas alterasse o e-mail que constava na reserva (que no caso era da vendedora das milhas) para meu próprio e-mail e dessa forma ficaria mais fácil ainda fazer a gestão da viagem como um todo. Eu acabei não fazendo isso então não recebi nenhum e-mail informativo da GOL em nenhum momento.

Esse é um outro ponto de atenção, não espere e-mail informado sobre check-in caso você não faça essa alteração. Acho também que não precisaria nem escrever, mas irei, que você não ganha milhas/pontos em programas de milhagens porque na realidade está viajando com milhas/pontos. É por isso, e pelas demais observações acima que é importante você avaliar o quanto pagará por um bilhete como esse, ele deve ter um preço justo quando comparado a um processo de compra normal.

Como foi a viagem com a passagem compra com a MaxMilhas

Tudo transcorreu tranquilamente. Não foi uma viagem como outra qualquer porque em outras situações já teria realizado o check-in antecipadamente porque teria recebido um email que teria me lembrado de realiza-lo. No entanto estava em um aeroporto que conhecia e deixei para realizar o check-in no totem de autoatendimento por livre escolha.

Se não fosse por ser minha primeira vez e estar atenta aos detalhes para poder compartilhar aqui no blog, acho que provavelmente teria até me esquecido que viajei com o intermédio da MaxMilhas. Outro ponto positivo foi olhar a fatura do meu cartão de crédito, paguei 163 reais em um passagem que no site da GOL custava 400 reais. Menos da metade, valeu muito a pena!

Deixe aqui seu comentário ou dúvida

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s