Europa, Itália, Lazio, Roma

Roteiro Roma: Primeiro dia – Centro Histórico

Minha sugestão de roteiro para o primeiro dia em Roma é um passeio pelo centro histórico. Acho que a melhor coisa para quem acaba de chegar em uma cidade é ter uma ideia de como ela é, tentar se situar. Em cidades pequenas isso cai como uma luva já em cidades grandes é mais complicado e é por isso que em Roma eu sugiro um passeio somente pelo centro histórico.

Considere também que a cidade – principalmente os bairros do centro histórico – é um museu a céu aberto possuindo em suas ruas e vielas muitas das principais atrações turísticas de Roma. 

Não esqueça também que no primeiro dia tem sempre a maratona do voo então é bom fazer um passeio mais relaxante e menos cansativo.

Minha sugestão é que comece pela Piazza Spagna, de lá va até a Piazza Barberini e depois siga em direção a Fontana di Trevi.

Roma - Fontana di Trevi
Roma – Fontana di Trevi

Depois de conhecer a fonte vá em direção ao Pantheon, passando pela Piazza Colona e pelo Templo de Adriano. De lá siga até a Piazza Navona e termine no Campo de Fiori.

Roma - Templo de Adriano
Roma – Templo de Adriano
Roma - Piazza Navona
Roma – Piazza Navona

Sugestão para que tem só um dia em Roma:

Do Campo de Fiori vá até a rua Corso Vittorio Emanuele II e caminhe até o Castel Sant’Angelo e Vaticano/Basílica de São Pedro. Depois de admirar esses lugares se dirija até a Piazza Cavour e pegue o ônibus 87 que levará você até o Coliseu passando pela Piazza Venezia. Assim você conseguirá ao menos ver, e fotografar é claro, as principais atrações da cidade.

Igrejas nas redondezas do Centro Histórico de Roma:

Existem muitas igrejas no pequeno roteiro descrito acima. Mas acho importante frisar que algumas não podem deixar de serem vistas, sendo elas: Santo Ignácio di Loyola (observe a cúpula falsa), Santa Maria Sopra Minerva (obra Michelangelo) e San Luigi dei Francesi (obras Caravaggio).

Roma - Igreja di Sant’Ignazio di Loyola
Roma – Igreja di Sant’Ignazio di Loyola

À noite sugiro fazer um passeio próximo a Piazza Navona. Inicie na Piazza di Pasquino, sede do Consulado Brasileiro em Roma (atrás da Embaixada Brasileira na Piazza Navona), siga pela via del Governo Vecchio até a Via del Coralo e pegue a sua direita. Você chegará ao Vicolo del Fico. Nesse pequeno caminho existem diversos restaurantes, muito agradáveis para um final de noite ou mesmo para um aperitivo.

SUGESTÕES PARA ALMOÇO, CAFÉ, GELATO, APERITIVO E JANTAR:

Uma sugestão de almoço para um dia como esse é uma coisa rápida e bem típica da cidade. Pode ser uma pizza al taglio (em pedaços), em uma das tantas pizzarias que você encontrará pelo caminho, ou mesmo um supli, a coxinha de Roma (risos). Uma sugestão de pizza? De batata com alecrim, muito diferente! Fiz um post especial sobre essas comidinhas romanas. Acesse nesse link aqui!

Para um bom café sugiro o Tazza D’oro, próximo ao Pantheon, a dica para quem quer um café não tão forte e não tão curto e justamente pedir um café longo.

Para os famosos sorvetes (gelato no singular e gelati no plural), indico a Grom ou San Crispino, também próximas ao Pantheon. Essa última é famosa por manter cada sorvete em uma temperatura diferente, isto é, adequada a cada tipo. Os sorvetes são muito bons porém os sabores mais exóticos. Você encontrará opções como gengibre, canela e manjericão.

Outra sorveteria muito conhecida é a Della Palma. Se o que procuras é diversidade não deixe de conferir, são diversos sabores e tipos, um deles é a mousse de sorvete que têm a consistência parecida com a de um chantilly. Mais dicas de sorveterias você encontra nesse post aqui!

Roma - Gelateria della Palma
Roma – Gelateria della Palma

Restaurante e locais para aperitivo: Bar del Fico (Vicolo del Fico), Bar della Pace (Via della Pace,5) – para ver se ser visto, Obica (Campo dei Fiori), Montevecchio (Piazza Montevecchio, 22), Pizzeria da Baffetto (Via del Governo Vecchio, 114) e Cul del Sac (Piazza di Pasquino).

O QUE É O APERITIVO

Uma coisa muito típica da Itália é o Aperitivo. O aperitivo seria o equivalente ao nosso happy-hour, começa a partir das 6 ou 7 horas da noite e funciona da seguinte forma: você paga uma determinada quantia pelo drink e tem direito a se servir à vontade do buffet. Em alguns lugares o valor é fixo, independentemente do drink, em outros é o drink que dita o preço. De qualquer forma prepare-se para gastar em torno de 8 euros para um buffet com pratos de massa, bruschettas, crostatas e focaccias, enfim, coisas mais baratas da culinária italiana. Também não espere muitas formalidade normalmente são utilizados pratos e talheres de plástico.

Aperol e Campari Spritz
Aperol e Campari Spritz

O drink mais famoso do aperitivo é o Spritz (foto acima), normalmente uma mistura de Campari ou Aperol com prosseco, gelo e um pedaço de laranja. Ambos os drinks tem uma cor laranja sendo o com Campari mais amargo que o Aperol. O Campo di Fiori é uma boa opção para um aperitivo, uma indicação é o Obica, famoso pela mozzarela.

Roma - Campo dei Fiori ao entardecer
Roma – Campo dei Fiori ao entardecer

Considerações sobre esse dia de roteiro: 

  • esse primeiro dia foi pensado para quem acabou de chegar na cidade vindo de um voo internacional, com a necessidade de chegar do aeroporto, fazer check-in no hotel, etc., o dia acaba ficando curto. Se esse não for o seu caso, minha sugestão é incluir um passeio adicional a Vila/Galeria Borghese e ao Pincio (dmais detalhes sobre a esse passeio estão no roteiro do quarto dia), no entanto se você tiver somente um dia e quiser visitar a Galeria irá precisar de ingresso. Como a Galeria é muito concorrida recomendo fortemente comprar o ingresso com antecedência, sugiro comprar com a Tiqets.

  • se você tiver tempo porém pouco tempo em Roma ao chegar na Pizza Spagna suba as escadas em direção a Igreja Trinita dei Monti e de lá pegue a sua mão esquerda em direção ao parque Vila Borghese. Termine o tour no Pincio e depois desça em direção a Piazza del Popolo.

MAPA COM OS PONTOS DE INTERESSE DESTE DIA DE ROTEIRO:

26 comentários em “Roteiro Roma: Primeiro dia – Centro Histórico”

  1. Olá, estou adorando suas dicas. Estou indo para Roma na terça 11/08 e chego 4a dia 12/08 as 7h. Gostaria de seguir seu roteiro e aproveitar para conhecer o centro histórico vamos ficar na piazza di spagna. Creio que dá pra fazer tudo andando. No 2o dia gostaria de saber se eu consigo conhecer tudo do roteiro e mais a capela cistina.
    Obrigada

    Curtir

    1. Olá Rachel, tudo bem? Da Piazza Spagna será super tranquilo fazer o primeiro e também o segundo dia do roteiro. Você consegue conhecer tudo, incluindo a Capela Sistina pois ela está localizada dentro dos museus Vaticanos.
      Abraços,

      Curtir

  2. Oi, Michele! Td bem? Aqui é a Carolina, de Bauru! Michele, nossa viagem está chegando, iremos à Itália no dia 11/08! Vou seguir sua sugestão de roteiro em Roma e outras dicas de comilança kkk. Nosso voo sai daqui no dia 11 e chega a Roma no dia 12/08, às 07h20 da manhã. Como creio que chegaremos meio cansados, acredito que começaremos nosso passeio nesse dia no horário do almoço… Gostaria de conseguir fazer o passeio pelo Centro Histórico que você sugeriu. Vc acha viável? Dá tempo de fazer o percurso? Seria tudo a pé? Ficaremos hospedados no bairro do Pantheon, o hotel parece bem próximo a essa atração e também ao Campo di Fiori.
    Outra coisa que queria perguntar é em relação ao deslocamento a outros bairros. Por exemplo, conforme suas dicas, tenho a intenção de jantar em restaurantes em Trastevere e Testaccio, assim como dar uma volta à noite por esses locais. Vc acha que de onde estarei hospedada dá para ir a pé ou é longe? Mesma pergunta em relação à Via Veneto e Villa Borghese… Tem alguma linha de ônibus que tenha um percurso legal pelo Centro Histórico que ajude a chegar a esses outros bairros? Ou a melhor opção seria taxi?

    Bjs,

    Carolina

    Curtir

    1. Oi Carolina, tudo bem? Nossa já chegou a data, que bom! O local que você escolheu é super central. Com exceção do Testaccio dá pra fazer tudo à pé. Não recomendo nenhum ônibus para percorrer o centro porque o “expresso canelão” é mais rápido. Vocês irão caminhar um pouquinho mas acaba que faz parte e depois, o centro histórico é lindo! Para ires caminhando ao Trastevere vá até o Campo de Fiori, pegue a Via dei Giubbonari e depois pegue à sua direita no Largo dei Librari. Dali em diante basta seguir reto, cruzar a ponte e estarás em uma das portas de entrada do Trastevere, a Piazza Trilussa.
      Para o Testaccio, como vocês estarão um pouco distantes do metro e o Testaccio também não é muito bem servido, melhor optar por ônibus ou mesmo taxi (é pertinho do centro – aprox. 3km), com certeza o taxi será mais confortável porque dependendo do local poderá ser necessário mais de um ônibus.
      Uma ótima viagem pra vcs e se precisares de algo mais estou à disposição. Abraços!

      Curtir

  3. Gostaria de suam ajuda, estarei chegando a Roma em uma 6 feira , dia 17 , no 1 dia vou fazer o reconhecimento do local , mas no sábado e domingo já gostaria de fazer passeios tipo , Coliseu e Vaticano, será que são apropriados para final de semana , onde o fluxo costuma ser maior ??? Vaticano no domingo é muito cheio em função de ter missa???? Me ajude. E me recomende algo para o fim de semana, detesto tumulto …. Desde já lhe agradeço a ajuda.beijo.

    Curtir

    1. Olá Patricia, tudo bem?

      Infelizmente o Vaticano e o Coliseu são atrações que estão sempre cheias. Até porque abril já é primavera e portanto alta-estação.

      Minha dica é evitar a fila enorme do Vaticano comprando o ingresso com antecedência e depois ter paciência porque seus corredores são praticamente filas indianas. Já peguei o lugar lotado e menos lotado mas nunca vazio. Só cuide que os Museus Vaticanos não abrem no domingo, somente no ultimo domingo do mês quando a entrada é gratuita e aí é bem caótico.

      No Coliseu o pior é a fila já que o local é grande, para evitá-la compre o Roma Pass. O Coliseu abre aos sábados e domingos.

      Se puder evitar o final de semana para essas atrações eu recomendo. Sempre existem os turistas de final de semana 🙂

      Como alternativas posso sugerir a visita à Villa e Galeria Borghese.
      Falei dela aqui: https://planejandoaviagem.wordpress.com/2011/11/12/quarto-dia-%E2%80%93-basilicas-igrejas-e-a-villa-borghese/

      E os circuitos do quarto e quinto dia recomendados aqui no Blog.

      Além disso, se você comprar o Roma Pass e quiser aproveitá-lo pode usá-lo (além de Ostia Antica) nas Termas de Caracalla e tambem no Palazzo Massimo e Terme di Diocleziano.
      Ambos passeios considero muito bons. O Palazzo maximo e o Terme di Diocleziano são muito próximos, ambos em Termini.
      Falei dele aqui: https://planejandoaviagem.wordpress.com/2012/02/29/museus-nacionais-de-roma/

      Bom, são sugestões mas como o gosto varia muito de pessoa para pessoa, se precisares de algo mais me avise.
      Abraços

      Curtir

  4. Gostaria de saber qual das opções de ônibus de turismo tem guia que fala português? Entrei no site de ópera, existe uma programação, porém irei no início de setembro, poderá ocorrer mudanças na programação? Nos dias que estarei em Roma não consta programação, existe outros teatros com ópera?obrigada

    Curtir

    1. Olá Elizabeth, para os ônibus de sightseeing sugiro que verifique o seguinte post do blog: https://planejandoaviagem.wordpress.com/2013/04/05/sightseeing-em-roma-hop-on-or-not-hop-on/. Nele faço uma análise detalhada dos serviços e tem uma tabelinha que indica os que tinham audioguide em português. Acho que o post é uma boa referência para começares seu planejamento. Em relação a opera acho que terás que esperar um pouco em função da antecedência. Como vais e setembro acredito que consigas pegar a temporada de verão das Termas de Caracala. Segue o site onde a programação será divulgada em breve. http://www.operaroma.it/ita/caracalla.php. Abraços!

      Curtir

  5. vamos viajar em 7 casais em outubro saindo de belo horizonte ,queriamos alugar uma casa o que acha .queremos conhecer toscana..sugestoes por favor.Soniamiranda23@yahoo,com,br.grata

    Curtir

    1. Olá Sonia, tudo bem? Acho ótimo alugar uma casa/apartamento, ainda mais nesses casos.
      Em Roma existem muito apartamentos antigos e grandes o que aumenta a chance de conseguirem algo para acomodar todos. Imagino que em Firenze não seja diferente.
      No post sobre Bairros e Acomodações em Roma tem várias dicas de sites que poderão ser úteis para te ajudar a encontrar algo que procuras.
      Você acessa ele aqui: https://planejandoaviagem.wordpress.com/2011/11/01/onde-se-hospedar-em-roma-bairros-e-tipos-de-acomodacao.
      Abraços

      Curtir

  6. Olá Michele, estou passando aqui para agradecer sua atenção e te dar um retorno pós-viagem!!! O mais importante: Roma é linda, fiquei encantada.
    Bem, segui seu roteiro de 3 dias direitinho e gostei muito, inclusive fomos aos restaurantes e aprovamos!!
    Somente a Di Baffeto que fomos na filial Di baffetto 2, pois estava mais perto do centro histórico, ali nas alturas da Piazza Navona. Inclusive, queríamos almoçar lá, mas era só janta e voltamos de noite.
    No primeiro dia sentimos falta de sugestões de restaurantes no roteiro. Estávamos no Campo de Fiori, era umas 14hs e arriscamos almoçar na Di Peroni, gostamos, principalmente porque o garçom falava espanhol, nosso italiano é 0. rsrs
    No mais, na Piazza Venezzia tem um elevador que leva até o último andar, e dá vista para a cidade. Achamos que não vale a pena pagar 7 euros, sendo que a vista da cafeteria que fica no penúltimo andar é quase a mesma.
    Muito boa a dica de ficar no centro histórico, o B&B atendeu as expectativas e foi uma mão na roda com tão pouco tempo.
    Fiz o relato detalhado no mochileiros, segue o link: http://www.mochileiros.com/roma-perguntas-e-respostas-t58320-195.html
    Uma menina já me escreveu pedindo o roteiro e já indiquei teu blog!!!

    Curtir

    1. Nossa Fernanda, não sei nem como te agradecer: MUITO OBRIGADA MESMO! Adorei todos os seus feedbacks, vou revisar o post para garantir mais dicas. E sobre o Mochileiros muito obrigada de novo :), li seu relato, ficou muito bom. Escreves muito bem! Vou incluir o B&B onde ficaste na lista de recomendações do blog pois realmente uma opção dessas é um achado. Grande abraço!

      Curtir

  7. Adorei as dicas, vc escreve muito bem, leitura agradável.
    Uma perguntinha, em Roma tem aqueles ônibus de turismo com dois andares e o de cima aberto.

    Curtir

  8. Gostei muito das suas “dicas” , responde bem a todas as duvidas que do viajante de primeira viagem quer saber, obrigada pela colaboração!!!
    Gostaria de mais uma dica, vamos viajar ao final de ano (Natal em Roma) só 4 dias , vc acha que seria interessante comprar as entradas para os museos, Vaticano etc aqui no Brasil???
    se puder me ajudar, agradeço
    Mery

    Curtir

    1. Oi Mery, obrigada. Eu compraria com antecedência e assim evitaria a fila para comprar que sempre tem. Mesmo não sendo alta-temporada é uma época em que o turismo interno é muito forte então melhor prevenir do que remediar na minha opinião. Compre através do site deles, conforme recomendado nos posts sobre roteiro em Roma. Abraços.

      Curtir

  9. Vc é demais.
    Incrível o carinho de relatar tantos detalhes e se preocupar em ajudar o outro da melhor maneira possível para que o passeio seja o máximo. É o tipo de pessoa que sente prazer em ajudar.

    Muitíssimo obrigada!

    Curtir

Deixe aqui seu comentário ou dúvida

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s