América do Sul, Paysandu, Tacuarembo, Uruguai

Tacuarembó e Paysandu

Esse post vai ser curtinho, apenas para dar algumas dicas e falar das impressões de duas cidades Uruguaias nas quais passamos rapidamente durante nossa Viagem pela Costa Oeste do Uruguai. Foram cidades que usamos como parada para refeições (almoço) tanto no dia da ida quanto no retorno ao Brasil.

Tacuarembó

Conhecida e muito visitada por ser a cidade natal de Carlos Gardel, tudo na cidade gira em torno dele e não é à toa. A principal atração é o Museu que leva seu nome, um dos mais visitados no Uruguai. Leva seu nome também um dos melhores hotéis da cidade e o restaurante deste hotel.

Museu Carlos Gardel em Tacuarembo
Museu Carlos Gardel em Tacuarembo (foto;: Descubriendo el Uurguay)

Entrada Tacuarembo
Entrada Tacuarembo

Infelizmente no dia em que passamos por Tacuarembó o restaurante estava fechado no horário do almoço. Optamos então por almoçar em um restaurante simples ao longo da Ruta 5, o America Restaurante e Parrilla. Ele foi perfeito para o que precisamos, um bom lugar para um almoço rápido às margens da rodovia.

Fachada e interior do Restaurante America em Tacuarembo
Restaurante America
Pratos no Restaurante America em Tacuarembo
Restaurante America – pratos

Quem se interessa por carros antigos acredito que irá curtir o Museu do Ford T. Esse museu possui um restaurante que nos foi indicado por um amigo do meu irmão, a mesma pessoa que indicou o America. Optamos pelo America pela facilidade de acesso. Além do museu e do restaurante também existe um hotel nesse complexo do Ford T.

Paysandu

Paramos em Paysandu para um almoço rápido durante nossa viagem de volta de Colonia del Sacramento ao Brasil. Quem leu o primeiro post da serie deve ter visto que demoramos mais do que prevíamos para chegar em Paysandu devido à obras nas estradas. Chegamos lá esfomeados e demoramos a encontrar um lugar legal para comer. No final optamos por um bar que foi algo muito mediano.

Praça em Paysandu
Praça em Paysandu

Como a experiência gastronômica não foi das melhoras a impressão que fiquei da cidade não foi tão boa. Apesar de avenidas longas e largas e de uma praça central muito bonita só depois fui descobrir duas coisas que acho interessante indicar a quem pretender passar pela cidade.

A primeira é um restaurante que na realidade fica bem afastado da cidade e exige aquele passeio de um dia para aproveitar como deve ser, o La Pulperia. A segunda é uma visita um pouco inusitada a um Museu/Cemiterio. Cada vez mais comum na Europa e mesmo em Buenos Aires esse tipo de atração tem um belo representante em Paysandu.

Para quem precisa se hospedar em Paysandu, a infraestrutura hoteleira é farta. Acredito que seja porque a cidade é um elo entre a Argentina e o Uruguai o que faz com que muitos argentinos frequentem não somente a região mas também a utilizem para acessarem outras áreas do Uruguai e mesmo o Brasil. A indicação é Hotel Papiros que possui 17 acomodações localizadas em um casarão antigo totalmente reformado e com decoração de época de muito bom gosto.

Predio no centro de Paysandu
Predio no centro de Paysandu

Bom, termino por aqui essa serie de posts pela Costa Oeste do Uruguai. Espero que a mesma incentive os viajantes a conhecer um pouco mais deste país tão próximo ao Brasil e tão rico em natureza, cultura e enogastronomia.

Um comentário em “Tacuarembó e Paysandu”

Deixe aqui seu comentário ou dúvida

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s