Verona – A cidade mais romântica da Itália

Com o dia dos namorados se aproximando no Brasil, na Itália se comemora no San Valentino em 14 de fevereiro, pensei: Por que não escrever sobre aquela que deve ser a cidade mais romântica da Itália? Assim, esse post vai contar nossa passagem “de algumas horas” por Verona, a cidade que vive do mito de Romeu e Julieta.

A cidade é uma graça, embora para os parâmetros italianos seja uma cidade mediana, entre as 15 maiores da Itália e com aprox. 250 mil habitantes, o centro histórico é pequeno. Como citei acima, passamos algumas horas por lá e conseguimos conhecer bastante. O motivo de ter passado pouco tempo foi porque aproveitamos o tempo entre uma conexão de trem e outra para fazer esse passeio. Não tínhamos planejado essa parada em Verona, na verdade era a volta de uma semana de esqui em Val Gardena e ao olhar as passagens de volta vi que tinha esse intervalo de tempo e pensei: será que posso fazer um pit-stop/tour por Verona?

Chegamos na estação ferroviária, deixamos as malas no lef luggage bag/deposito bagaglio e, em frente à estação, pegamos o ônibus para o centro. Naquele dia era domingo e os horários dos ônibus eram mais espaçados. Demorou um pouquinho para chegar, uns 10 minutos, e o trajeto até o centro demorou mais  ou menos a mesma coisa. A estação dista aprox. 15km do centro, então recomendo o ônibus. É rapidinho.

Descemos do ônibus em frente ao principal cartão postal da cidade, a famosa Arena de Verona, na Piazza BRA, o coração da cidade. A Arena é um dos redutos mais importantes da música lírica no mundo.

A Arena e a Piazza Bra

A Arena e a Piazza Bra

Pegamos o ônibus nesse mesmo local, porém no sentido oposto, para voltar à estação.  No total acho que ficamos umas 4 horas rodando por Verona. Para conferir a programação da Arena, clique aqui!

A cidade me surpreendeu  logo de cara, ignorância total minha mas não tinha a mínima idéia da Arena e do Rio Adige, que corta a cidade e dá uma ar ainda mais romântico com os cadeados espalhados nas suas margens e pontes.

Rio Adige com Castelo San Pietro ao fundo (acima) e Torre San Tommaso ao fundo (abaixo)

Rio Adige com Castelo San Pietro ao fundo (acima) e Torre San Tommaso ao fundo (abaixo)

O que sabia, tinha visto fazia pouco tempo o filme Cartas para Julieta, era da possibilidade de vistar a “Casa di Giulietta”. O local onde fica a sacada reúne muito turistas, tem um pequeno jardim interno, uma lojinha de lembranças muito criativa e também um parede pichada com várias dedicatórias de amor, recadinhos e papel e infelizmente, dá nojinho, chicletes, eca! Olha nóis em frente à uma parte da tal parede. Gostei do contraste deu um ar moderno à uma estrutura ao estilo medieval.

Casa di Giulietta

Casa di Giulietta

A arquitetura de Verona é linda. Tem influências das épocas romana,  medieval, scaligera, veneziana e austríaca, ufa! É inclusive conhecida como “Città Scaligera”, nome que provém de uma família muito importante da época de 1400 e que deixou um grande legado à cidade.

Loggia del Consiglio na Piazza dei Signori, também conhecida como Piazza Dante pela escultura de Dante (época Scaligera)

Loggia del Consiglio na Piazza dei Signori, também conhecida como Piazza Dante pela escultura de Dante (época Scaligera)

Na Piazza delle Erbe, ao lado da Piazza dei Signori, também pode ser apreciada a fonte della Madonna e a Torre dei Lamberti, outros exemplos da época Scaligera. Naquele domingo tinha uma feira grande espalhada pela praça, o que encobria um pouco a beleza arquitetônica porém dava um ar muito gostoso ao passeio.

Piazza delle Erbe

Piazza delle Erbe

Parecia que todas as pessoas da cidade estavam passeando pelo centro naquele dia. Mais um exemplo da famosa passegiata italiana de fim de tarde. Seguido falo dela aqui no blog e não deixo de me impressionar. As pessoas saem para a rua, para comprar, passear, tomar um sorvete, aperitivar, normalmente são muitas e começa no fim de tarde quando está perto de escurecer, faça calor, faça frio. Acho que a segurança das cidades e a eficiência dos transportes públicos proporcionam isso aos moradores. Isso na minha opinião, é muita qualidade de vida!

Piazza delle Erbe

Piazza delle Erbe

A Torre dei Lamberti pode ser visitada por aqueles que gostam de apreciar cidades do alto.

Torre dei Lamberti

Torre dei Lamberti

Além do pontos turísticos já citados é possível visitar as igrejas de época medieval como a Basílica Romântica de San Zeno e a Igreja de Santa Maria Matricolare, Catedral de Verona.  Naquele dia não visitei nenhuma das duas e sim somente a Igreja de Sant’Anastasia.

Igreja/Chiesa di Sant'Anastasia

Igreja/Chiesa di Sant’Anastasia

O chatinho de ir com pouco tempo e no meio da tarde é que não aproveitamos a noite nem os restaurantes, paramos apenas para um lanche+café+sorvete ao volo!! Tinha cada lugar charmosinho, cada esquina fofa…

Restaurante de esquina em Verona

Restaurante de esquina em Verona

Sem falar que algumas comidas típicas dão água na boca e dentre elas está um prato que adoro o Tortelli di Zucca, também chamado de Nodi d’Amore.

Tortellidi Zucca

É tanto romance no ar que de uns tempos para cá, em fevereiro, justamente na época de San Valentino, a cidade realiza uma festa chamada Verona In Love, com o slogan: Se ami qualcuno portalo a Verona. A cidade quer se firmar ainda mais como destino turístico na época de San Valentino e convenhamos, não é para menos então #ficaadica!

Verona in Love

Verona in Love

Adorei ter parado em Verona e achei que as horas foram super bem aproveitadas. Não subi na torre e não fui a nenhum museu mas fiz um programa de domingo ótimo, apenas passeando pela cidade e vendo seus principais pontos turísticos. Achei Verona um charme e recomendo uma paradinha. Espero que o post seja útil para quem como eu deve ficar algumas horas na estação ou para aqueles que pensam em incluí-la no roteiro e não sabem ao certo quanto tempo  dedicar à visita.

Leais mais:

Um comentário sobre “Verona – A cidade mais romântica da Itália

Deixe aqui seu comentário ou dúvida

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s